Presa em Goiás gerente suspeita de desviar R$ 2 milhões de resort da Paraíba


​A gerente de um resort foi presa nesta quinta-feira (14), em Rio Quente, no sul de Goiás, suspeita de estelionato. Segundo a Polícia Civil, a mulher, de 52 anos, teria desviado R$ 2 milhões entre os anos de 2011 e 2015, quando dirigia outro resort de luxo, mas na Paraíba. A investigação apontou que ela agia com pelo menos mais duas pessoas…

De acordo com o delegado Wllisses Valentim, responsável pelo caso, a operação ocorreu em conjunto com a polícia paraibana. Ao ser detida, ela alegou que o mentor do esquema era um colega de trabalho. O investigador explicou que o crime era baseado no superfaturamento de notas fiscais.

"Com o auxílio do gerente de finanças do resort, ela captava fornecedores que quisessem participar. Por exemplo, ela fazia o pedido de uma mercadoria no valor de R$ 100 mil. Esse fornecedor emitia uma nota de R$ 140 mil. A quantidade a mais era desviada e dividida entre eles", disse o delegado ao G1.
Mensalmente, a polícia estima que eram desviados cerca de R$ 40 mil. Não há indícios ainda de que ela também cometia o crime em Goiás.

Valentim explicou que a administradora é poliglota, tem vários cursos na área de hotelaria e trabalhou em resorts espalhados por todo o país. O salário dela, segundo ele, girava em torno de R$ 17 mil.
A suspeita deve ser indiciada por estelionato e associação criminosa. Se for condenada, pode pegar até oito anos de prisão.

PB Acontece

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s