Lojas em Serra Branca e Sumé são furtadas simultaneamente; prejuízo é superior a 10 mil


​Duas boutiques foram assaltadas simultaneamente no início da tarde desta quinta-feira (20) em Serra Branca e Sumé. A polícia investiga se a ação foi liderada por uma mesma quadrilha, que de forma similar arrombaram a porta e furtaram a mercadoria de estoque das lojas Gilza em Serra Branca e Miosótis em Sumé.

Na cidade de Serra Branca, a Gilza foi furtada por volta das 13 horas. As funcionárias da loja haviam saído para o horário de almoço e não acionaram o alarme, o que facilitou a ação dos criminosos. Mesmo o estabelecimento estando localizado no centro comercial de Serra Branca, ninguém viu a porta de vidro ser arrombada e os bandidos entrarem no local para fazer a farra no estoque. De lá foram subtraídas calças, camisas e blusas masculinas e femininas. O prejuízo ainda não foi calculado, mas deve ser superior a R$ 5 mil.

Em Sumé, a loja furtada no mesmo molde foi a Miosótis. Calçados e bolsas diversas foram levadas do estoque e o prejuízo também foi alto. Entre R$ 5 e 10 mil do estabelecimento foi furtado em mercadoria.

Na loja em Sumé, o circuito interno de câmeras flagrou tudo. Uma moça aparentando 20 anos de idade foi a responsável pelo furto e a polícia faz diligências na tentativa de localizá-la.

A Polícia Civil acredita que os dois crimes tenham autoria do mesmo grupo criminoso e que tenha sido liderado por três mulheres.

De Olho no Cariri

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s