Servidores do Detran são presos por fraude na liberação de veículos irregulares na PB


Detran-JP

Uma investigação culminou com a prisão de dois servidores de carreira do Departamento de Trânsito da Paraíba (Detran-PB), acusados de aprovarem veículos irregulares sob o pagamento de propina durante vistorias, conforme informou o corregedor do Detran, o delegado Leonardo Souto Maior. O flagrante ocorreu nesta segunda-feira (20).

“O pagamento variava entre R$ 10 e R$ 100, dependendo da gravidade. Esses veículos apresentavam alguma irregularidade na vistoria como extintor vencido, placas apagadas, falta de algum equipamento de segurança, entre outros problemas, o que seriam reprovados na vistoria. Com o pagamento, os servidores faziam ‘vista grossa’ no problema”, comentou Souto Maior, informou que dois usuários foram presos em flagrante.

O delegado revelou que as investigações começaram há cerca de quatro meses, quando a corregedoria recebeu denúncias de pagamento de propina.

“Ainda não sabemos precisar quanto os servidores arrecadaram com os atos ilícitos. Os funcionários do Detran vão responder a processo disciplinar e poderão ser exonerados do serviço público, após tramitação do processo administrativo e criminal”

Os servidores públicos vão responder por corrupção passiva e os usuários do órgão serão enquadrados no crime de corrupção ativa. Os quatro presos foram encaminhados para a 9ª Delegacia Distrital, em Mangabeira, na Capital paraibana.

Portal Correio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s